Informações ao Paciente

Tendinite dos Fibulares

Os tendões fibulares são dois, o fibular curto e o fibular longo, e tem seu trajeto da parte lateral da perna até a lateral do pé.

São responsáveis por estabilizar e dar força para o tornozelo e o pé.

Assim, estão sujeitos a lesões em situações de esforço e uso repetitivo, como esporte, obesidade e deformidades como pé cavo e pé plano.

Os sintomas são dor e inchaço na lateral do tornozelo, além de sensação de falta de firmeza.

O diagnóstioco é feito por um exame físico cuidadoso e alguns exames de imagem.

O tratamento geralmente é cirúrgico quando há algum tipo de ruptura das fibras do tendão.


Buscar

Arquivos

Perguntas Frequentes

  • Como pode ser tratado o entorse?

    Após o estabelecimento correto do nível de lesões presentes no tornozelo, pode-se iniciar o tratamento.
    Alguns exames podem ser necessários para o diagnóstico correto, como Raio X ou Ressonância Magnética.
    O tratamento é individualizado para o grau de lesão verificada, e varia desde o uso de medicamentos por poucos dias até mesmo a cirurgia.
    Felizmente, na maior parte das vezes, podemos tratar o entorse do tornozelo com poucos dias de imobilização e fisioterapia.

  • Qual o efeito do Diabetes nos Pés?

    O diabetes é uma doença crônica que, entre outros problemas, causa perda gradual na sensibilidade dos pés, facilita a ocorrência de feridas e dificulta a cicatrização destas.
    Quando o nível de glicose do sangue permanece descontrolado, algumas estruturas das pernas e dos pés deixam de funcionar corretamente. Com a diminuição da função das veias e artérias, ocorre deficiência na circulação do sangue. Com a perda de função dos nervos, ocorre diminuição da sensibilidade. Com menos sensibilidade, algumas lesões simples não são percebidas, e podem se tornar graves sem o tratamento correto.

Veja todas